Entrevistas

Batista Lima fala sobre saída da Limão com Mel e comenta relação com o empresário

Após mais de duas décadas à frente dos vocais da Limão com Mel, o cantor Batista Lima se prepara para deixar a banda e seguir carreira solo. Aproveitando o assunto e a recente apresentação da banda no Forró das Antigas, Batista concedeu entrevista ao Bahia Notícias e conversou sobre o novo rumo na carreira. No bate-papo, o artista comentou o motivo da saída do grupo, falou da relação com os empresários e colegas de banda, detalhou os próximos projetos futuros e explicou a causa do cancelamento do DVD que seria gravado em Salvador. Leia a entrevista na íntegra na Coluna Holofote!

Veja mais

Frase da Semana

Ronaldo Fraga

"O pior é que o Brasil inteiro vai copiar o Lixo desse vestido"

Ronaldo Fraga, estilista mineiro detonando o vestido da Louis Vuitton usado por Gisele Bündchen no encerramento da Copa do Mundo.

Veja mais

Quarta, 15 de Maio de 2013 - 10:30

Robyssão: 'o público do pagode sempre admirou a vida do crime'

Robyssão: 'o público do pagode sempre admirou a vida do crime'
O lançamento do Bailão do Robyssão, projeto solo do ex-vocalista da Black Style, está marcado para esta sexta-feira (17), no Wet'n Wild. Mas a repercussão dessa nova fase não é só por causa da música e danças sensuais, mas por conta das recentes declarações polêmicas de Robyssão. Em entrevista ao programa Fuzuê, da Bahia FM, ele afirmou: "Eu percebi que o meu público, o público do pagode, sempre admirou a vida do crime. O cara que é gângster, tem vontade de pegar uma grana, pegar dez mulheres e tal. Então quando criei esse personagem, o público se identificou". Resta saber se o público que gosta de pagode concorda com a afirmação do cantor.

Comentar

   

Histórico de Conteudo

Enquete

Em qual desses blocos você pretende sair no Carnaval?

Colunistas

Luis Ganem

Colunista

14/07/2014 - 14:30

Pós-copa, uma recessão anunciada!

17/06/2014 - 13:30

A Inominável Música baiana - uma marca da Fifa

Na sua nova coluna, Luis Ganem fala sobre o registro da marca "pagode" feito pela Fifa. "A coisa então fica mais ou menos assim: a partir de agora, o nome “pagode” se tornou o Voldemort (o temido personagem da série Harry Potter) da música baiana. O nome não pode ser usado em qualquer evento associado a futebol, ou algo que o ligue a copa, ou ainda a qualquer publicidade que aconteça por esses dias. A partir de agora o nome “pagode” se tornou o "Voldemort" da música baiana. O nome não pode ser usado em qualquer evento associado a futebol, ou algo que o ligue a Copa, ou a qualquer publicidade que aconteça por esses dias".


Veja mais