Entrevistas

Dudu Nobre fala de seus artistas baianos favoritos e revela com quem gostaria de ter parceria

A relação de Dudu Nobre com a Bahia é antiga. Desde o início de sua carreira, quinze anos atrás, o cantor frequenta a 'boa terra', seja para shows ou participações no carnaval de Salvador, onde sempre marca presença no circuito Osmar (Campo Grande) nos tradicionais blocos de samba. No próximo domingo (7), Dudu lança seu mais novo disco “Ainda é Cedo”, 14º de sua carreira, em apresentação no Cais Dourado (Comércio), dentro do evento "Roda de Samba de Heró", que ainda conta com as participações dos grupos Fora da Mídia, Paparico, Grupo Movimento e Partido Social. De passagem pela capital baiana para divulgar seu novo álbum e o show em Salvador, Dudu bateu um papo com o Bahia Notícias e falou sobre quais são seus artistas baianos favoritos, além de revelar com qual estrela da música local gostaria de fazer uma parceria. Não deixe de ler a entrevista na íntegra na Coluna Holofote!

Veja mais

Frase da Semana

Solange Almeida

“Rala sua mandada”

Solange Almeida, cantora do Aviões do Forró, rebatendo uma seguidora que a ofendeu no Instagram.

Veja mais

Terça, 25 de Setembro de 2007 - 10:10

Susana Vieira renova contrato com a Globo até 2013

por Rafael Albuquerque

Quebrando uma regra própria, a Rede Globo resolveu renovar o contrato da atriz Susana Vieira até 2013. Em geral as renovações efetuadas em 2007 vão até 2011. Susana está no elenco de “Duas Caras”, próxima novela das 8, e vai interpretar Branca, uma mulher muito rica e poderosa, dona de uma universidade particular na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro. Em tempo: "Duas Caras" tem estréia prevista para Outubro e entra no lugar da novela Paraíso Tropical.

Foto: Divulgação


Comentar

   

Histórico de Conteudo

Enquete

Qual a atração mais esperada do Salvador Fest 2014?

Colunistas

Luis Ganem

Colunista

03/09/2014 - 16:17

O que o entretenimento espera do próximo governador?

O mercado artístico e cultural tem reclamado muito de certo amadorismo no que tange a logística de shows e eventos no estado. Sendo que alguns fatores são sempre preponderantes para essa reclamação. Seja pela falta de espaço próprio para o desenvolvimento do segmento como casas de shows e um novo e moderno centro de convenções, seja pela falta de investimentos das autoridades para com a classe, o fato é que insatisfações como esta fazem com que o mercado, que vive somente contando com o Parque de Exposições agropecuárias ou então um ou outro local improvisado, tenha realmente razão para reclamar do declínio dos grandes eventos em geral que deixaram de vir para a Bahia.

14/07/2014 - 14:30

Pós-copa, uma recessão anunciada!


Veja mais