'Foi cãibra', revela médico após Bolt não conseguir completar sua última prova
Foto: Getty Images

A lenda Usain Bolt teve uma triste despedida das pistas no último sábado, no Mundial de Atletismo, no estádio Olímpico, em Londres. O médico Kevin Jones, da equipe jamaicana, revelou que o velocista sentiu cãibras. As dores impediram Bolt de completar a prova de revezamento 4x100m, que seria a sua última disputa da carreira. Jones disse que o ânimo do atleta ficou mais abalado do que o físico.

 

"Foi cãibra na parte de trás da coxa esquerda, mas muito da dor foi da decepção de perder a corrida. As últimas três semanas foram difíceis para ele, você sabe. Esperamos o melhor para ele", afirmou.

 

Após a prova, Bolt foi direto para o departamento médico e não concedeu entrevistas. É esperado que ele voltou ao estádio Olímpico para ser homenageado neste domingo (13). O jamaicano conquistou uma medalha de bronze no último domingo (6), na prova de 100m rasos. Ele já subiu no pódeio 14 vezes em Mundiais, recebendo o ouro em 11 oportunidades.

Histórico de Conteúdo