Bahia

E. C. Bahia


Não identificada, Bamor comparece ao clássico Ba-Vi

Punida pelo Ministério Público da Bahia, em virtude da confusão no jogo entre Bahia e Figueirense, responsável por protagonizar cenas de violência ao tentar tirar a faixa da torcida visitante, a Bamor foi impedida de entrar no Ba-Vi deste domingo (21).

Veja mais

Vitoria

E. C. Vitória


Lesionado e de fora, Ayrton fica na torcida pelo Vitória no clássico: 'Confio no nosso time'

O lateral-direito Ayrton recebeu uma péssima notícia do departamento médico do Vitória na última quinta-feira (18). O atleta terá que passar por uma cirurgia no joelho e ficará afastado dos gramados por até 45 dias. De fora do clássico contra o Bahia, resta ao jogador ficar na torcida. Mas a confiança é a mesma como se estivesse escalado para o jogo das 16h deste domingo (21), na Arena Fonte Nova.

Veja mais

Entrevistas

No México, Rafael 'Gladiador' comemora chegada de R10 e fala sobre injustiça no Bahia

O Bahia Notícias apresenta como entrevistado da Coluna de Esportes o jovem atacante Rafael. Mais conhecido pelos baianos como Rafael 'Gladiador', o jogador formado nas categorias de base do Bahia não conseguiu se firmar no elenco profissional do tricolor baiano. Após um jogo no clube na temporada de 2014, ele se vê injustiçado pelo ex-treinador Marquinhos Santos e, ao rescindir contrato com o tricolor baiano, apostou no futebol mexicano para dar um novo rumo à carreira profissional. Lá, ele defende o Zacatepec. Além do Bahia, Rafael tem passagens pelo futebol goiano e norte-americano.

Veja mais

Curtas do Esporte

Curtas do Esporte

O quase-ex-boleiro Arlindo de Almeida volta com polêmicas no Curtas de Esporte. Por que certos setoristas do Vitória têm passe livre e outros não têm? E por que nenhum deles tem direito a lanche durante os treinos da manhã? E mais: no Bahia, tem mutirão de processos trabalhistas! Confira nas Curtas e Venenosas do Esporte!

Veja mais

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 14:32

Não identificada, Bamor comparece ao clássico Ba-Vi

por Felipe Santana

Não identificada, Bamor comparece ao clássico Ba-Vi
Punida pelo Ministério Público da Bahia, em virtude da confusão no jogo entre Bahia e Figueirense, responsável por protagonizar cenas de violência ao tentar tirar a faixa da torcida visitante, a Bamor foi impedida de entrar no Ba-Vi deste domingo (21).

No entanto, ainda que a marca da organizada não pudesse estar na Arena Fonte Nova para o segundo clássico da Série A, os membros da Bamor marcaram presença no Ba-Vi, inclusive com direito a uma 'passeata'.

Com o cordão de isolamento feito pelos próprios membros, que cantavam músicas da organizada, os torcedores chegaram à Arena Fonte Nova sem camisa, exatamente para não aumentar a punição imposta pelo Ministério Público à organizada.

Os torcedores chegaram na Fonte Nova por volta das 14h, duas horas antes da bola rolar para o clássico entre Bahia e Vitória.
Além do jogo deste domingo  (21), a Bamor estará ausente em mais cinco jogos do tricolor baiano.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 14:06

Ricardo e Emanuel perdem final do Open de Niterói para Alison e Bruno

por Ricardo Alves

Ricardo e Emanuel perdem final do Open de Niterói para Alison e Bruno
Foto: Divulgação/ CBV
Não deu para a dupla formada pelo baiano Ricardo e o paranaense Emanuel. Na manhã deste domingo (21) os dois perderam a final do Open de Niterói/RJ, segunda etapa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia para Alison e Bruno por 2 sets a 1. As parciais foram de 21x13/ 14x21 e 15x11.
 
A partida foi equilibrado, com domínio de Alison e Bruno no 1º set e de Ricardo e Emanuel no 2º. O tie-break, último e decisivo set foi teste para cardíaco. Alison e Bruno começaram com tudo, chegaram a abrir seis pontos de diferença, mas a dupla formada pelo baiano e o paranaense conseguiu correr atrás do prejuízo e diminuiu para dois pontos de diferença. Mas, no fim das contas não conseguiram ir mais além e perderam por 15 a 11, já que o tie-break é mais curto.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 13:40

Hamilton vence em Cingapura e vira líder na Fórmula 1

por Estadão Conteúdo

Hamilton vence em Cingapura e vira líder na Fórmula 1
Foto: Reuters
O inglês Lewis Hamilton teve um fim de semana inesquecível. Pole position do GP de Cingapura, a 14ª etapa da temporada 2014 da Fórmula 1, realizada no circuito de rua de Marina Bay, o piloto da Mercedes triunfou na prova deste domingo e ainda assumiu a liderança do campeonato, se aproveitando do abandono do alemão Nico Rosberg, seu companheiro de equipe e principal concorrente na luta pelo título do campeonato.

Esta foi a sétima vitória do inglês na atual temporada, sendo a segunda consecutiva. Com esse resultado, Hamilton chegou aos 241 pontos, com três de vantagem para Rosberg, o que indica uma disputa ainda mais acirrada entre os dois pilotos da Mercedes na luta pelo título do Mundial de Pilotos nas últimas cinco provas desta temporada.

Pole position, Hamilton liderou praticamente toda a corrida neste domingo e não chegou a ter a sua vitória ameaçada, mesmo que a entrada do safety car o tenha obrigado a forçar o ritmo nas voltas que antecederam o seu último pit stop para não correr o risco de perder posições.

O alemão Sebastian Vettel terminou a prova na segunda colocação e o australiano Daniel Ricciardo, seu companheiro de equipe na Red Bull, completou o pódio, em terceiro lugar. Já o brasileiro Felipe Massa, da Williams, ficou na quinta colocação em Cingapura.

Com os pilotos da Mercedes disparados nas duas primeiras posições do campeonato, Ricciardo é o terceiro, agora com 181 pontos, enquanto Massa ocupa a nona colocação com 65 pontos. Já o Mundial de Construtores tem a Mercedes na ponta, com 479 pontos. A Red Bull é a segunda colocada, com 305 pontos, e a Williams sustentou a terceira posição, com 187.

A CORRIDA - Para quem luta pelo título do campeonato com o companheiro de equipe, o início do GP de Cingapura não poderia ter sido melhor para Hamilton. Afinal, Rosberg, que havia conquistado a segunda posição no grid no treino de sábado, precisou largar dos boxes em razão de problemas eletrônicos no seu carro, que ficou parado na saída para a volta de apresentação.

Assim, Hamilton, o pole position, não teve dificuldades para sustentar a liderança na largada, que teve algumas trocas de posições. Alonso, por exemplo, chegou a saltar para o segundo lugar, mas precisou devolver uma posição a Vettel por passar reto na primeira curva.

Eles eram seguidos por Ricciardo, Raikkonen e Massa, o sexto colocado, que perdeu uma posição. Enquanto isso, Rosberg, mesmo com problemas no seu carro, tentava recuperar terreno após largar dos boxes, só o que seu ritmo estava bem abaixo do potencial da Mercedes, que vem sendo soberana desde o início do campeonato.

Após a primeira rodada de pit stops, Hamilton já apresentava vantagem confortável para Vettel, que era seguido por Alonso, Ricciardo e Massa, que foi um dos primeiros pilotos a ir aos boxes e assim conseguiu recuperar a posição que havia perdido para Raikkonen no início da prova.

Rosberg também foi aos boxes, mas para abandonar o GP de Cingapura, em uma saída precoce que, ao término da corrida, acabou lhe custando a liderança do campeonato para Hamilton.

Sem muitas disputas de posições, a estratégia de pit stops começou a ser decisiva para a definição da prova. Assim, como Button optou inicialmente por parar uma vez a menos que os demais oponentes, ele conseguiu ganhar algumas posições, incluindo a de Massa, atingindo o quinto lugar atrás de Hamilton, Alonso, Vettel e Ricciardo.

Até que um toque de Adrian Sutil em Sergio Perez provocou a entrada do safety car na pista na 32ª volta por causa dos detritos que ficaram no traçado, alterando algumas táticas. Então, enquanto Hamilton, Vettel, Ricciardo e Massa preferiram seguir na pista, Alonso, Button e Raikkonen seguiram para os boxes.

E na retomada da prova, Hamilton se manteve na liderança, abrindo boa vantagem para Vettel, seguido por Ricciardo, Alonso e Massa. O problema era que o inglês precisava realizar mais um pit stop. Assim, ele forçou ainda mais o seu ritmo, como se estivesse em um treino de classificação, mesmo com os pneus desgastados.

Mas Hamilton conseguiu voltar dos boxes na segunda colocação, atrás apenas de Vettel, a oito voltas do final da prova. E depois de dois giros, assumiu a liderança ao ultrapassar o alemão para assegurar a sua vitória no GP de Cingapura, em uma prova que terminou no limite das duas horas.

Vettel, então, sustentou, o segundo lugar e foi ao pódio acompanhado de Ricciardo, o seu companheiro de equipe e terceiro colocado na prova. Alonso ficou em quarto lugar e Massa, sem conseguir acompanhar o ritmo dos ponteiros nas voltas finais, foi o quinto.

O francês Jéan-Eric Vergne, da Toro Rosso, foi o sexto colocado, à frente do mexicano Sergio Perez, da McLaren, do finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari, do alemão Nico Hulkenberg, da Force India, e do dinamarquês Kevin Magnusssen, da McLaren, que completaram, em ordem, a lista dos dez primeiros colocados do GP de Cingapura.

Agora com Hamilton na liderança e com uma vantagem mínima para Rosberg, de apenas três pontos, a Fórmula 1 segue para a disputa da 15ª etapa desta temporada. No dia 5 de outubro, será realizado o GP do Japão, no circuito do Suzuka.

Confira o resultado final do GP de Cingapura:

1) Lewis Hamilton (ING/Mercedes) - 60 voltas em 2h00min04s795
2) Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) - a 13s5
3) Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull) - a14s2
4) Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - a 15s3
5) Felipe Massa (BRA/Williams) - a 42s1
6) Jean-Éric Vergne (FRA/Toro Rosso) - a 56s8
7) Sergio Pérez (MEX/Force India) - a 59s0
8) Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) - a 1min00s6
9) Nico Hulkenberg (ALE/Force India) - a 1min01s6
10) Kevin Magnussen (DIN/McLaren) - a 1min02s2
11) Valteri Bottas (FIN/Williams) - a 1min05s0
12) Pastor Maldonado (VEN/Lotus) - a 1min06s9
13) Romain Grosjean (FRA/Lotus) - a 1min08s0
14) Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso) - a 1min12s0
15) Marcus Ericsson (SUE/Caterham) - a1min34s1
16) Jules Bianchi (FRA/Marussia) - a 1min34s5
17) Max Chilton (ING/Marussia) - a 1 volta

Não completaram:
Jenson Button (ING/McLaren)
Adrian Sutil (ALE/Force India)
Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber)
Nico Rosberg (ALE/Mercedes)
Kamui Kobayashi (JAP/Sauber)

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 12:30

Esposa de astro da NBA tem fotos nuas expostas na internet

por Ricardo Alves

Esposa de astro da NBA tem fotos nuas expostas na internet
Foto: Reuters
Mais uma celebridade é vítima de hackers. Gabrielle Union, esposa do astro do Miami Heat, que disputa a principal liga de basquete norte-americano NBA, Dwyane Wade teve fotos em que aparece nua divulgadas na internet. Nas imagens, Gabrielle aparece em seu banheiro. Famosas como Jennifer Lawrence, Kaley Cuoco e Avril Lavigne também foram vítimas de hackers.
 
Segundo o site TMZ, ainda não é possível saber se as fotos são antigas ou recentes. O marido de Gabrielle vai estar no Brasil no mês de outubro juntamente com o Miami Heat para disputar a segunda edição do NBA Global Games, no Rio de Janeiro. A partida será no dia 11 contra o Cleveland Cavaliers, do brasileiro Anderson Varejão e do astro americano LeBron James.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 11:39

Ivanovic derrota Wozniacki e conquista título em Tóquio

por Estadão Conteúdo

Ivanovic derrota Wozniacki e conquista título em Tóquio
Foto: Reuters
A sérvia Ana Ivanovic conquistou neste domingo o título do Torneio de Tóquio, disputado em quadras rápidas e que distribuiu US$ 1 milhão (aproximadamente R$ 2,37 milhões) em premiação. Em uma final que reuniu duas ex-líderes no ranking da WTA, a atual número 10 do mundo se deu melhor e derrotou a dinamarquesa Caroline Wozniacki, a número 9, por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 7/6 (7/2), em 1 hora e 39 minutos.

A vitória deste domingo foi a sexta de Ivanovic em oito confronto com Wozniacki. E com esse novo triunfo, a campeã da edição de 2008 de Roland Garros faturou o seu quarto troféu nesta temporada - já havia sido campeã em Auckland (Nova Zelândia), Monterrey (México) e Birmingham (Inglaterra) - e o 15º da sua carreira.

O começo da decisão deste domingo foi equilibrado, com Ivanovic e Wozniaccki trocando quebras de serviço e ficando empatadas em 2/2. Depois, porém, a sérvia venceu quatro games e fez 6/2 no primeiro set, em que conseguiu 19 winners e cometeu apenas oito erros não forçados.

Wozniacki esboçou uma reação no segundo set e chegou a abrir 3/1, com uma quebra de serviço. Ivanovic, no entanto, reagiu e venceu cinco dos oito games seguintes, levando a definição da parcial para o tie-break. Ivanovic, então, triunfou e assegurou a sua conquista em Tóquio.

"Caroline jogou uma grande partida hoje", disse Ivanovic após o jogo. "Foi uma boa batalha, houve alguns momentos muito difíceis, especialmente no segundo set, mas eu apenas tentei ganhar um ponto de cada vez, e estou realmente feliz por isso. É uma sensação incrível ganhar este título", completou.

Com a vitória, Ivanovic passa a somar 52 triunfos nesta temporada, a sua melhor marca em um ano, superando as 51 de 2007. Além disso, a sérvia nunca havia conquistado quatro títulos em uma temporada - ganhou três em 2007 e 2008.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 11:04

Diante do Vitória, Railan quer Bahia focado exclusivamente no triunfo

por Felipe Santana

Diante do Vitória, Railan quer Bahia focado exclusivamente no triunfo
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
Ele cansou de enfrentar o Vitória nas categorias inferiores. Mas, somente neste domingo (21), no seu segundo ano como jogador profissional, o lateral-direito Railan vai enfrentar o rubro-negro no elenco principal, na Arena Fonte Nova.

Titular da equipe nas últimas partidas, Railan sabe que o contexto do clássico contra o Vitória é diferente das demais partida. No entanto, ao entrar em campo, a partir das 16h, ele quer o grupo focado em apenas vencer, esquecendo os demais detalhes da rivalidade.

"Meu espírito é para dar o máximo em campo, se escolhido para jogar, e continuar fazendo as coisas dos últimos jogos. É um grande jogo, um clássico, mas temos que ter o mesmo foco dos outros jogos em só vencer", disse.

Railan, ao analisar suas atuações, principalmente contra o Botafogo, reconhece que precisa qualificar sua finalização. Por outro lado, ele disse estar mais preocupado em dar passes e cruzamento ao invés de buscar.

Por isso, sobre a falta de pontaria, ele levou no bom humor.

"Tenho feito bons jogos, mas preciso aprimorar a finalização, o que não fazia antes, mas uma hora dessa o gol vai sair. Se isso não acontecer prefiro então dar assistências", concluiu.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 10:27

Dupla brasileira é campeã no Mundial de Vela na Espanha

por Ricardo Alves

Dupla brasileira é campeã no Mundial de Vela na Espanha
Foto: Agêncie EFE
Neste domingo (21) a dupla brasileira formada por Martine Grael e Kahena Kunze ficou com a medalha de ouro na classe 49er FX do Mundial de Vela disputado em Santander, na Espanha. As brasileiras ficaram com o título depois de ficarem em terceiro lugar na última regata, à frente das dinamarquesas Ida Marie Nielsen e Marie Olsen.
 
Grael e Kunze na sexta-feira (19)haviam assumido a segunda colocação geral da categoria, dez pontos atrás de Nielsen e Olsen e, ao ficaram uma posição à frente das dinamarquesas na última regata foi o suficiente para as brasileiras serem as campeãs. No mês passado, a dupla do Brasil já havia ficado com a medalha de ouro da classe 49er FX do Aquece Rio International Regatta, na Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro, que serviu como teste para as Olimpíadas.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 10:04

Demerson sobre o clássico: 'O Bahia vai com tudo'

por Felipe Santana

Demerson sobre o clássico: 'O Bahia vai com tudo'
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
O Bahia não perde para o Vitória, seu principal rival, há oito partidas. Em cinco delas, o zagueiro Demerson estava presente em campo. No entanto, para o jogo deste domingo (21), o defensor tricolor quer esquecer o retrospecto.
 
Demerson reconhece que o Bahia, depois dos últimos dois triunfos, está vivendo um momento diferente do rival. Ainda assim, o camisa 3 não crê em favoristimo do tricolor e alerta os companheiros para o clima de decisão na Arena Fonte Nova.

"Não diz nada. Esses resultados são passado e, no futebol, temos que viver o presente. A gente vive um bom momento, vindo de dois resultados positivos, mas clássico é uma decisão à parte. É um jogo diferente e não tem favoritismo", ressaltou.

Para este jogo, ao contrário dos anteriores no Brasileirão, o Bahia vai atuar na Arena Fonte Nova, mas não como mandante. Apesar de ter apenas 40% da capacidade do estádio, Demerson acredita que os tricolores comparecerão ao estádio e farão uma grande festa do início ao fim do jogo.

"O Bahia vai com tudo, e torcedor nos apoiar vai valer muito. Não tem diferença nenhuma. No domingo, nosso torcedor vai encher para nos apoiar. Precisamos da ajuda deles, e a gente agradece muito", afirmou.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 09:32

Argentina vence reservas do Brasil no futebol feminino

por Estadão Conteúdo

Argentina vence reservas do Brasil no futebol feminino
Foto: Ind../ Agência Uno
Já classificada para o quadrangular final da Copa América Feminina de Futebol, a seleção brasileira escalou uma equipe reserva para o clássico contra a Argentina, neste sábado, em Azogues (Equador). Apesar da derrota por 2 a 0, garantiu a primeira colocação do Grupo B, com nove pontos em quatro partidas.

Apesar da denominação "Copa América", a competição é um Sul-Americano, envolvendo apenas times das 10 confederações associadas à Conmebol. A Argentina também somou nove pontos, mas teve um saldo de gols de oito, contra nove do Brasil.

O time comandado por Vadão já havia feito 2 a 0 no Chile, 4 a 1 no Paraguai e 6 a 0 na Bolívia. Por isso, chega como favorito ao quadrangular final, que define dois classificados para o Mundial Feminino do Canadá, em 2015. Do outro grupo avançaram Colômbia (campanha 100%) e Equador. O time da casa é o rival da seleção brasileira na primeira rodada, quarta.

Das 11 titulares da seleção, só três (Andreia Suntaque, Bruna e Darlene) foram utilizadas desde o início por Vadão neste sábado. A Argentina abriu o placar no primeiro tempo, em uma jogada de bola parada, e ampliou no segundo tempo, de pênalti.

Comentar

   
Lesionado e de fora, Ayrton fica na torcida pelo Vitória no clássico: 'Confio no nosso time'
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
O lateral-direito Ayrton recebeu uma péssima notícia do departamento médico do Vitória na última quinta-feira (18). O atleta terá que passar por uma cirurgia no joelho e ficará afastado dos gramados por até 45 dias. De fora do clássico contra o Bahia,  resta ao jogador ficar na torcida. Mas a confiança é a mesma como se estivesse escalado para o jogo das 16h deste domingo (21), na Arena Fonte Nova.

“Infelizmente irei passar por uma artroscopia no joelho direito e ficarei de fora por um período. Mas confio no nosso time. É muito difícil ficar do outro lado na torcida e não poder ajudar. Mas, todos estão unidos e meus companheiros estão preparados para o clássico”, disse o lateral,em entrevista ao Bahia Notícias.

Ayrton acredita que o jejum de oitos jogos sem vencer o arquirrival irá encerrar neste domingo. Ele chegou até arriscar um placar.

“Esse jogo vai ser apertado, mas vamos ganhar de 2 a 1”, projetou.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 09:01

Bahia terá pelo menos três estreantes no clássico contra o Vitória

por Felipe Santana

Bahia terá pelo menos três estreantes no clássico contra o Vitória
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
Será o sexto clássico Ba-Vi da temporada. Mas, para alguns atletas, inclusive do elenco tricolor, enfrentar o rubro-negro será um feito inédito, na tarde deste domingo (21), a partir das 16h, na Arena Fonte Nova.
 
O lateral-direito Railan, após engrenar uma sequência como titular da equipe, participará do seu primeiro clássico desde que foi promovido ao elenco profissional. Roniery e Diego Macedo, seus concorrentes, voltaram a treinar com bola recentemente e não possuem condições de iniciar o jogo. O segundo, inclusive, deve ficar como opção no banco de reserva.

O Bahia terá mais estreantes em Ba-Vi. O volante Léo Gago, contrato no período da Copa do Mundo, desembarcou na capital baiana depois da realização do primeiro clássico, no qual Pará marcou no fim o gol de empate.

Artilheiro do Bahia no Brasileirão, com 4 gols, o centroavante Kieza, uma das últimas contratação do clube para temporada de 2014, também
entrará em campo pela primeira vez em um jogo contra o Vitória, vestindo a camisa do esquadrão.

O número de novidades contra o Vitória pode ser ainda maior, a depender da opção de Gilson Kleina. Marcos Aurélio, um dos candidatos à vaga no meio de campo, é outro jogador deste atual elenco que chegou ao Bahia no meio da temporada e não participou do Ba-Vi.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 08:45

Série B tem Joinville como novo líder e Vasco de volta ao G-4

por Ricardo Alves

Série B tem Joinville como novo líder e Vasco de volta ao G-4
Foto: Divulgação/ Site Oficial
O Vasco de sábado (20) foi um time ofensivo, não tanto pela disposição de seus atacantes - Kleber manteve seu estilo de se movimentar por uma parte restrita do campo, e Thalles só conseguiu arremates de pouco perigo -, mas sim pela liberdade de seus jogadores de meio campo. Nos primeiros 45 minutos, foram deles as principais chances. Mesmo desta maneita a equipe cruzmaltina conseguiu vencer o Náutico de virada em casa por 2 a 1. Resultado que coloca o time carioca de volta ao G-4, na 4ª posição, com 43 pontos.

O novo líder da competição é o Joinville, de Santa Catarina, que venceu o Atlético/GO por 2 a 0 e, com o empate do Avaí em 2 a 2 com o Ceará assumiu a primeira posição da segundona, com 46 pontos. Apesar da derrota, o Avaí permanece no G-4, na 2ª posição e a Ponte Preta completa o grupo dos quatro melhores. Na parte de baixo da tabela continua como antes, Icasa, Portuguesa, Vila Nova/GO e América/MG estão na zona de rebaixamento.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 07:40

No 6º clássico do ano, Bahia tenta manter série invicta sobre o Vitória

por Felipe Santana

No 6º clássico do ano, Bahia tenta manter série invicta sobre o Vitória
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
Oito partidas consecutivas. No calendário, um e quatro meses. E será com este desafio, de manter a longa invencibilidade diante do seu maior rival, o Vitória, que o Bahia entra em campo na tarde deste domingo (21), às 16h, na Arena Fonte Nova.
 
Além do confronto direto contra o rubro-negro baiano, por se tratar do maior clássico estadual, o tricolor precisa pontuar para seguir fora da zona do rebaixamento. Um empate será suficiente, caso o Palmeiras não vença. Se o time paulista derrotar o Goiás, fora de casa, o Bahia precisará vencer o clássico para continuar fora do Z4.

Para este jogo, que será o primeiro clássico Ba-Vi de Gilson Kleina desde que chegou ao clube, o técnico terá um desfalque. O lateral-esquerdo Guilherme Santos, suspenso com o terceiro cartão amarelo, será substituído pelo jovem Pará.

Inicialmente seria apenas uma mudança. Seria. Porque, sem render o esperado nas últimas rodadas, o meia Emanuel Biancucchi está com a
titularidade ameaçada, e pode começar o clássico no banco de reservas.

Para o lugar do argentino, Gilson Kleina tem três opções. No caso das duas primeiras, Marcos Aurélio e Branquinho, o comandante tricolor manteria a formação com três volantes e um armador, deixando Rafinha e Kieza mais avançados.

A terceira opção, no entanto, seria Maxi Biancucchi. A presença do camisa 7 faria o time atuar com três volantes e três atacantes, uma formatação semelhante a usada na derrota para o Cruzeiro.

FICHA TÉCNICA:
Série A - 23ª rodada
Vitória x Bahia
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 21/092/2014
Horário: 16h
Árbitro: Ricardo Ribeiro Marques (MG)
Auxiliares: Fábio Pereira (Fifa-TO) e Clériston Barretos Rios (Fifa-SE) 
 
Vitória: Júnior Fernández; Nino Paraíba, Roger Carvalho, Kadu e Juan; Luiz Gustavo, Cáceres, Richarlyson e Marcinho; Willie e Dinei. Técnico: Ney Franco.
 
Bahia: Marcelo Lomba; Railan, Demerson, Lucas Fonseca e Pará; Uelliton, Rafael Miranda e Léo Gago; Maxi (Marcos Aurélio), Rafinha e Kieza. Técnico: Gilson Kleina.

Comentar

   

Domingo, 21 de Setembro de 2014 - 05:00

Sem vencer o Bahia há mais de um ano, Vitória espera quebrar jejum

por Glauber Guerra

Sem vencer o Bahia há mais de um ano, Vitória espera quebrar jejum
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
O Vitória não pensa em outro resultado a não ser o triunfo, na tarde desta quarta-feira, às 16h, contra o Bahia, na Arena Fonte Nova, em jogo válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.
 
Além de ocupar a lanterna da competição com 21 pontos, o Leão não vence o arquirrival há oito jogos. O último triunfo Rubro-Negro foi em maio do ano passado, pelo Campeonato Baiano, quando goleou o Tricolor por 7 a 3 na Fonte Nova.  e lá para cá, o Vitória perdeu três e empatou cinco.
 
No último Ba-Vi, válido pelo primeiro turno do Brasileirão, as duas equipes ficaram no empate em 1 a 1.
 
Sob o comando de Ney Franco, o jejum é indigesto. À frente do Rubro-Negro, ele nunca conseguiu vencer. Foram três empates e três derrotas. No entanto, ele minimiza esse retrospecto. “Não incomoda. A gente sabe que não foram tantos confrontos e teve alguns empates. O que mais importa nesse momento é a situação do Vitória no Campeonato Brasileiro. Isso está muito acima de marcas pessoais. A gente espera fazer um bom jogo  neste domingo e quem sabe seja a primeira oportunidade de vencer um jogo do Bahia pelo Vitória”, destacou.
 
Para o duelo, o treinador não poderá contar com seu principal jogador: Escudero. O argentino foi vetado pelo departamento médico por conta de uma lesão no adutor da coxa. Com isso, a tendência é que Willie continue como titular.
 
 Em contrapartida, Ney terá o retorno de Roger Carvalho, que está à disposição depois de passar duas semanas no DM. A tendência é que ele seja titular na zaga ao lado de Roger Carvalho. E assim, Luiz Gustavo, que era titular no setor defensivo, deve ser deslocado para o meio campo e atuar como volante. Caso seja feita essa opção, José Welison perde a vaga.
 
Pelo lado do Bahia, o técnico Gilson Kleina não poderá contar com Guilherme Santos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O lateral esquerdo será substituído pelo jovem Pará. A única dúvida do treinador Tricolor é a manutenção ou não de Emanuel Biancucchi. Por ironia do destino, seu irmão Maxi é o mais cotado para à vaga. Já Marcos Aurélio e Branquinho correm por fora.
 
FICHA TÉCNICA
Vitória x Bahia
Campeonato Brasileiro – 23ª rodada
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Horário: 16h
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Auxiliares: Fábio Pereira (Fifa-TO) e Clériston Barretos Rios (Fifa-SE) 
 
Vitória: Júnior Fernández; Nino Paraíba, Roger Carvalho, Kadu e Juan; Luiz Gustavo, Cáceres, Richarlyson e Marcinho; Willie e Dinei. 
 
Bahia: Marcelo Lomba; Railan, Demerson, Lucas Fonseca e Pará; Uelliton, Rafael Miranda e Léo Gago; Maxi (Marcos Aurélio), Rafinha e Kieza. 

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 18:18

William Henrique demonstra otimismo para o Ba-Vi: 'Estamos unidos'

por Glauber Guerra

William Henrique demonstra otimismo para o Ba-Vi: 'Estamos unidos'
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
O atacante William Henrique, do Vitória, demonstra confiança em resultado positivo no duelo contra o Bahia, domingo (21), na Arena Fonte Nova, válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. O atleta Rubro-Negro garante que a equipe está unida em busca de um triunfo.
 
“Estamos unidos e acreditamos que podemos sair com a vitória. Clássico é sempre complicado, mas estamos confiantes”, disse o atacante, em entrevista ao programa Hora do Leão, da Rádio Transamérica FM.
 
William Henrique ainda afirmou que voltou a ter confiança após o retorno de Ney Franco ao comando da equipe, já que era pouco aproveitado na época de Jorginho. E quando entrava, esteve abaixo das expectativas.

“Não sei o motivo, mas com Jorginho não tive muitas chances. Com Ney voltei a ter confiança e acredito que posso melhorar ainda mais”, completou.
 
Com 21 pontos, o Vitória ocupa a lanterna do Campeonato Brasileiro.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 16:57

Brasil vence a França e vai à final do Mundial de Vôlei

por Estadão Conteúdo

Brasil vence a França e vai à final do Mundial de Vôlei
Foto: Getty Images
A seleção brasileira masculina de vôlei está a uma vitória de conquistar o tetracampeonato mundial consecutivo. Neste sábado, em uma semifinal emocionante, a equipe derrotou a França por 3 sets a 2, com parciais de 25/18, 23/25, 25/23, 22/25 e 15/12, em partida disputada em Katowice, na Polônia.

Assim, neste domingo, o Brasil vai tentar repetir as conquistas de 2002, 2006 e 2010 do Mundial de Vôlei. O adversário da decisão, porém, ainda não está definido e será o vencedor da outra semifinal, que também será disputada neste sábado, entre a Alemanha e a Polônia, a anfitriã do Mundial e a única a equipe a derrotar a seleção brasileira nas 12 partidas que o time dirigido por Bernardinho realizou até agora nesta edição do Mundial.

Caso a Polônia seja a adversária, o Brasil vai reeditar a decisão de 2006, que foi vencida por 3 a 0 no Japão - as outras duas finais dessa sequência foram diante da Rússia (3 a 2 em 2002) e de Cuba (3 a 0 em 2010).

Neste sábado, o Brasil iniciou a partida com Bruno, Wallace, Sidão, Lucão, Lucarelli e Murilo como titulares, além de ter usado os líberos Mário Júnior e Felipe. Além disso, Bernardinho acionou Lipe, Vissotto, Raphael durante o jogo. Lucarelli brilhou mais uma vez pela seleção ao fazer 22 pontos, enquanto Wallace pontuou 17 vezes. Earvin Ngapeth foi o principal destaque francês, com 20 pontos.

O Brasil dominou o primeiro set da partida e venceu sem muita dificuldade graças ao bom desempenho no bloqueio, diante de uma França que ofereceu pouca resistência. A seleção foi, inclusive, ao primeiro tempo técnico vencendo por 8/4, depois de um bloqueio. Na segunda parada, a vantagem era de 16/9. A França ainda diminuiu a sua desvantagem para 22/17, mas o Brasil acabou vencendo a parcial em 25/18 com relativa facilidade.

A seleção francesa, porém, reagiu no segundo set e se aproveitou dos erros brasileiros para empatar a partida. A equipe europeia abriu 8/6 no primeiro tempo técnico e chegou a fazer 13/7. O Brasil, então, começou a reagir fez 14/11 e chegou a empatar o placar em 23/23 após um ataque de Lucarelli. A França, porém, fechou a parcial em 25/23 em um erro de ataque também de Lucarelli.

O terceiro set da partida foi extremamente equilibrado. A França conseguiu ir ao primeiro tempo técnico com a vantagem mínima, vencendo por 8/7. O Brasil virou para 14/12, mas a França seguiu ameaçando, tanto que conseguiu a virada para 18/17. O bloqueio brasileiro, porém, funcionou nos momentos de definição e o Brasil fechou a parcial em 25/23.

Assim como as duas parciais anteriores, o quarto set da semifinal também foi bastante equilibrado, com as equipes se revezando na liderança do placar, com o Brasil indo ao segundo tempo técnico na frente por 16/15. A França, porém, reagiu, virou o placar para 19/17 e abriu 23/20. Assim, acabou fechando o set em 25/22.

A semifinal, então, foi para o tie-break. O Brasil, no entanto, não se abateu pela derrota na parcial e liderou o placar desde o início, fazendo 4/2 e 6/4, embora a França tenha tentado sempre reagir. Depois, porém, a equipe deslanchou e abriu 13/8. Assim, em um ataque de Visssoto, a equipe fechou a parcial em 15/12 e o jogo em 3 sets a 2 para assegurar presença em mais uma decisão do Mundial de vôlei.

Comentar

   
Galícia realiza peneira para atletas nascidos entre 1995 e 1997
Na próxima segunda-feira, dia 22/09, o Galícia realizará uma peneira para selecionar atletas nascidos nos anos de 1995, 1996 e 1997. Se você nasceu em um desses anos e deseja ser avaliado, compareça ao Estádio Parque Santiago às 8 horas da manhã. Você deverá levar sua própria chuteira, meião, calção e camisa – ATENÇÃO: a camisa NÃO poderá ser de outra agremiação esportiva.
 
Além disso, deverá apresentar sua carteira de identidade para comprovar a idade e terá que pagar uma taxa de R$ 20,00 para a realização do teste. Somente serão aceitos candidatos nascidos nos anos de 1995, 1996 e 1997! Se você não é nascido em um desses anos, não poderá ser testado.
 
O quê: PENEIRA PARA SELEÇÃO DE ATLETAS
Quando: 22/09 (segunda-feira)
Onde: Estádio Parque Santiago, Av. Santiago de Compostela, S/N, Brotas (próximo ao Atakarejo)
Participantes: Nascidos nos anos de 1995, 1996 e 1997

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 15:00

Justiça considera improcedente ação de Sacha Mamede contra o Bahia

por Felipe Santana

Justiça considera improcedente ação de Sacha Mamede contra o Bahia
Foto: Correio*
Um dos diretores que foram destituídos do cargo após a saída de Marcelo Guimarães Filho, o ex-responsável pelo departamento de marketing do Bahia, Sacha Mamede, não teve mérito no primeiro julgamento contra o clube.
 
Na Justiça, o ex-diretor através do seus advogados entrou com uma ação trabalhista alegando o não recolhimento do Fundo de Garantir por Tempo de Serviço (FGTS), não pagamento de férias, 13º salário de 2012 e uma indenização por danos morais.

No entanto, em decisão de primeiro grau, o juiz considerou a ação de Sacha Mamede improcedente. Nesta caso, os advogados terão que recorrer a decisão do juiz.

Na defesa, o Bahia usou o argumento que Sacha Mamede só poderia ser promovido ao cargo de vice-diretor de marketing após aprovação de 2/3 da assembleia geral de sócios, o que não aconteceu.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 14:34

Junior Cigano é confirmado em luta principal no dia 13 de dezembro

por Ricardo Alves

Junior Cigano é confirmado em luta principal no dia 13 de dezembro
Reprodução/ UFC
O brasileiro Junior Cigano e o norte-americano Stipe Miocic foram confirmados para fazer a luta principal do Ultimate Fighting Combat (UFC) em Phoenix, no Arizona, Estados Unidos. O evento será no dia 13 de dezembro pelos pesos-pesados (até 120kg). O card já conta com outras três lutas: Derek Brunxon x Ed Herman, Jamie Varner x Drew Dober, e Joe Ellenberger x Bryan Barbarena.
 
Os dois lutadores chegaram a ser escalados para se enfrentarem no dia 31 de maio, em São Paulo, mas uma lesão de Cigano o tirou da luta na semana do combate. O substituto do brasileiro foi Fábio Maldonado, que acabou sendo nocauteado pelo americano. Junior Cigano tem 16 vitórias e três derrotas na carreira. Dois dos resultados negativos foram nas últimas três lutas.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 14:14

Cáceres quer Vitória impondo o ritmo diante do Bahia

por Glauber Guerra

Cáceres quer Vitória impondo o ritmo diante do Bahia
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
O Vitória encara o Bahia neste domingo (21), às 16h, na Arena Fonte Nova, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. E o volante Cáceres quer o seu time impondo o ritmo desde o início para conseguir os três pontos e assim quebrar o jejum de oitos sem vencer o arquirrival e também sair da incômoda lanterna.

“A gente tem que entrar impondo o jogo, tentar ganhar todas as divididas até o último minuto para ganhar esse jogo, que vai ser muito difícil”, disse o paraguaio.

Para o duelo, a diretoria do Vitória decidiu transferir o mando de campo para a Arena Fonte Nova .Cáceres acredita que sua equipe não terá problemas em atuar na praça esportiva.

“É um campo que a gente conhece também. O gramado do Barradão é quase igual a esse daqui, creio que a gente não vai ter problema por causa do gramado e do campo”, destacou.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 13:43

Hamilton bate Rosberg por 7 milésimos e é pole em Cingapura

por Estadão Conteúdo

Hamilton bate Rosberg por 7 milésimos e é pole em Cingapura
Foto: Getty Images
O inglês Lewis Hamilton conquistou neste sábado a pole position do GP de Cingapura, realizado no circuito de rua de Marina Bay. No treino de classificação, o piloto da Mercedes foi o mais rápido na terceira e decisiva fase da atividade e garantiu o primeiro lugar no grid de largada ao registrar uma volta em 1min45s681.

Assim, Hamilton conquistou a sua sexta pole position na temporada 2014 da Fórmula 1 e segue na perseguição ao alemão Nico Rosberg na luta pelo título do Mundial de Pilotos - depois de vencer o GP da Itália, o inglês diminuiu a diferença para 22 pontos (238 a 216) na disputa com o líder do campeonato.

Se depender do treino de classificação, aliás, a luta entre os dois pilotos da Mercedes deverá ser, mais uma vez, bastante acirrada. Afinal, Hamilton faturou a pole position neste sábado, mas com uma vantagem mínima, de 0s007 para Rosberg, que garantiu o segundo lugar do grid do GP de Cingapura ao marcar a sua melhor volta em 1min45s688.

Na fase decisiva do treino de classificação, os pilotos da Red Bull foram os que mais se aproximaram da Mercedes na luta pela pole position. O australiano Daniel Ricciardo foi o terceiro mais rápido, com o tempo de 1min45s854, logo à frente do alemão Sebastian Vettel, que marcou 1min45s902.

O espanhol Fernando Alonso, que chegou a colocar a Ferrari na primeira colocação de dois dos três treinos livres do GP de Cingapura, vai largar da quinta colocação depois de fazer um tempo de 1min45s907. Ele terá a companhia de Felipe Massa, o sexto colocado, na terceira fila, após o piloto brasileiro da Williams fazer o tempo de 1min46s000.

Massa chegou a liderar a primeira parte da terceira fase do treino de classificação, mas depois acabou perdendo posições no grid do GP de Cingapura. O finlandês Kimi Raikkoen, da Ferrari, foi o sétimo mais rápido e o seu compatriota Valtteri Bottas, da Williams, ficou em oitavo. O dinamarquês Kevin Magnussen, da McLaren, e o russo Daniil Kvyat, da Toro Rosso, completam a lista dos dez primeiros colocados do grid de largada do GP de Cingapura.

Na primeira fase do treino de classificação, liderada por Raikkonen, Marcus Ericsson, Max Chilton, Kamui Kobayashi, Jules Bianchi, Pastor Maldonado e Adrian Sutil foram eliminados. Depois, na segunda parte da sessão classificatória, Rosberg foi o mais rápido. Enquanto isso, Jenson Button, Jéan-Éric Vergne, Nico Hulkenberg, Esteban Gutiérrez, Sergio Pérez e Romain Grosjean acabaram deixando a disputa, que acabou sendo definida com a pole position de Hamilton.

O GP de Cingapura, a 14ª etapa da temporada 2014 da Fórmula 1, será disputado neste domingo, a partir das 9 horas (de Brasília).

Confira como ficou o grid de largada:

1) Lewis Hamilton (GBR/Mercedes) - 1min45s681
2) Nico Rosberg (ALE/Mercede) - 1min45s688
3) Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull) - 1min45s854
4) Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) - 1min45s902
5) Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1min45s907
6) Felipe Massa (BRA/Williams) - 1min46s000
7) Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) - 1min46s170
8) Valtteri Bottas (FIN/Williams) - 1min46s187
9) Kevin Magnussen (DIN/McLaren) - 1min46s250
10) Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso) - 1min47s362
11) Jenson Button (GBR/McLaren) - 1min46s943
12) Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso) - 1min46s989
13) Nico Hülkenberg (ALE/Force India) - 1min47s308
14) Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber) - 1min47s333
15) Sergio Pérez (MEX/Force India) - 1min47s575
16) Romain Grosjean (FRA/Lotus) - 1min47s812
17) Adrian Sutil (ALE/Sauber) - 1min48s324
18) Pastor Maldonado (VEN/Lotus) - 1min49s063
19) Jules Bianchi (FRA/Marussia) - 1:49.440
20) Kamui Kobayashi (JAP/Caterham) - 1:50.405
21) Max Chilton (GBR/Marussia) - 150s473
22) Marcus Ericsson (SUE/Caterham) - 1min52s287

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 13:04

Bahia treina com portões fechados e Maxi pode ser a novidade do Ba-Vi

por Felipe Santana

Bahia treina com portões fechados e Maxi pode ser a novidade do Ba-Vi
Foto: Divulgação
Bahia está definido para o clássico contra o Vitória, neste domingo (21), na Arena Fonte Nova. A escalação, porém, ficará restrita aos membros da comissão técnica e jogadores até 45 minutos antes da bola rolar.
 
Na manhã deste sábado (20), último treinamento com bola do elenco, o treinador Gilson Kleina realizou um coletivo, onde montou a equipe titular para enfrentar o rubro-negro. No entanto, com os portões fechados para imprensa, adotou o clima de mistério.

O lateral-direito Roniery, novamente sem reclamar de dores musculares, e o meia Lincoln foram as novidades em campo. Os dois, no entanto, serão apenas espectadores do jogo contra o Vitória, no segundo Ba-Vi da Série A.

Além do coletivo, Kleina trabalhou os lances de bola parada com seus comandados.

Para o jogo deste domingo (21), apesar do suspense, Gilson Kleina tem apenas uma dúvida na equipe. Guilherme Santos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, será substituído pelo jovem Pará.

A interrogação está na manutenção ou não de Emanuel Biancucchi. Com o baixo rendimento nos últimos jogos, o camisa 17 deve ficar no banco de reservas. Maxi Biancucchi é o principal candidato à vaga. Marcos Aurélio e Branquinho correm por fora.

O Bahia deve jogar com Marcelo Lomba; Railan, Demerson, Lucas Fonseca e Pará; Uelliton, Rafael Miranda e Léo Gago; Maxi (Marcos Aurélio), Rafinha e Kieza.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 12:21

Com Roger Carvalho, Ney Franco relaciona 23 atletas para o Ba-Vi

por Glauber Guerra

Com Roger Carvalho, Ney Franco relaciona 23 atletas para o Ba-Vi
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
O técnico Ney Franco divulgou no final da manhã deste sábado (20), a lista dos 23 jogadores do Vitória relacionados para o clássico contra o Bahia, domingo (21), às 16h, pelo Campeonato Brasileiro.

A novidade é o retorno do zagueiro Roger Carvalho. O jogador não atua desde o triunfo por 2 a 1 sobre o Sport, no último dia 3 de setembro pela Copa Sul-Americana. Na ocasião, ele precisou ser substituído aos 13 minutos do primeiro tempo por conta de lesão na coxa. A tendência é que o defensor forme dupla com Kadu na zaga titular diante do Bahia.

Já o meia Escudero, continua vetado pelo departamento médico. O argentino não conseguiu se recuperar de uma lesão no adutor da coxa. A tendência é que ele seja relacionado para o duelo contra o Palmeiras, na próxima quinta-feira (25), fora de casa.

Com 21 pontos, o Vitória ocupa a lanterna do certame nacional. Além da incômoda última posição, o time Rubro-Negro convive com um jejum indigesto diante do arquirrival: não vence há oito jogos. O último triunfo foi a goleada por 7 a 3, em maio do ano passado, pelo Campeonato Baiano. De lá para cá, foram oito confrontos, com cinco empates e três triunfos do Tricolor. 
 
Confira os relacionados

Goleiros : Júnior Fernández e Fernando Miguel
Laterais: Nino Paraíba, Mansur, Juan e Romário;
Zagueiros :Roger Carvalho, Ednei, Luiz Gustavo e Kadu;
Volantes: Cáceres, Adriano, Richarlyson, e José Welison;
Meias: Marcinho e Luís Aguiar;
Atacantes :Dinei, Marcos Junior, Edno, William Henrique, Willie, Guillermo Beltrán e Vinícius.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 12:20

Procuradoria do STJD pede suspensão preventiva de Emerson Sheik

por Ricardo Alves

Procuradoria do STJD pede suspensão preventiva de Emerson Sheik
Na noite de sexta-feira (18) a Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) informou que vai solicitar a suspensão preventiva do atacante do Botafogo, Emerson Sheik até a data do julgamento, que ainda não foi marcada. O tribunalliberou que a denúncia em relação ao atleta será por, supostamente ter infrigido três artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).
 
Sheik será julgado por praticar jogada violenta (artigo 254), pela falta cometida em Uelliton, do Bahia na quarta-feira (17), xingar o árbitro Igor Benevenuto (243-F, ofender a honra de alguém por fato relacionado ao desporto) e reclamação ostensiva contra decisões da arbitragem da CBF (agir de forma contrária à ética desportiva). Somando-se a pena máxima de cada infração, o jogador pode ser suspenso de até 18 partidas.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 11:52

Na véspera do clássico, Ney Franco comanda treino fechado no Vitória

por Glauber Guerra

Na véspera do clássico, Ney Franco comanda treino fechado no Vitória
Foto: Divulgação / Vitória
Longe de jornalistas, cinegrafistas e fotógrafos, o técnico Ney Franco, do Vitória, realizou um treinamento fechado na manhã deste sábado (20) no Barradão, visando o duelo contra o Bahia, domingo (21), na Arena Fonte Nova, em partida válida pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

De acordo com a assessoria de imprensa do Vitória, o treinador Rubro-Negro comandou um trabalho tático e priorizou jogadas de bola parada ofensiva e defensiva.

A única ausência na atividade foi do meia Escudero, que passou por avaliação nesta manhã e acabou vetado pelo departamento médico. Ele ainda não se recuperou de uma lesão na coxa.

A tendência é que o comandante Rubro-Negro realize mudança no setor defensivo. Roger Carvalho, que se recuperou de lesão, deve formar dupla com Kadu na zaga. Já Luiz Gustavo, titular nas últimas partidas, deve ser deslocado para o meio e atuar como primeiro volante. Com isso, José Welison pode perder a posição.

A provável escalação do Vitória deve ser formada por: Júnior Fernández; Nino Paraíba, Roger Carvalho, Kadu e Juan; Luiz Gustavo, Cáceres, Richarlyson e Marcinho; Willie e Dinei.

Com 21 pontos, o Vitória ocupa a lanterna do Campeonato Brasileiro. Além disso, não vence o arquirrival há oito jogos. O último triunfo foi em maio do ano passado, pelo Campeonato Baiano, quando goleou o Tricolor por 7 a 3.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 11:26

Com lesão na coxa, Escudero continua vetado e não encara o Bahia

por Glauber Guerra

Com lesão na coxa, Escudero continua vetado e não encara o Bahia
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
O técnico Ney Franco, do Vitória, recebeu uma notícia ruim do departamento médico na manhã deste sábado (20). O meia Escudero não se recuperou de uma lesão na posterior da coxa e está vetado para o clássico contra o Bahia, domingo (21), na Arena Fonte Nova, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.
 
No último domingo (14), o argentino foi substituído ainda na etapa inicial, no duelo contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, após sentir dores na coxa. Com isso, ele ficou de fora da partida contra o Fluminense e iniciou tratamento com o objetivo de se recuperar para o Ba-Vi, o que não ocorreu. Em fevereiro, o meia passou por cirurgia no joelho e ficou afastado dos gramados por seis meses.  
 
Com a ausência de Escudero, a tendência é que Willie continue no time titular. O Vitória possui 21 pontos e ocupa a lanterna do Campeonato Brasileiro.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 11:06

Holandês pode ser o piloto mais jovem a disputar uma prova de Fórmula-1

por Ricardo Alves

Holandês pode ser o piloto mais jovem a disputar uma prova de Fórmula-1
Foto: Getty Images
O holandês da Toro Rosso, Max Verstappen, de 16 anos pode ser o piloto mais jovem a disputar uma corrida de Fórmula-1. Verstappen completa 17 anos no dia 30 deste mês e a Red Bull (categoria acima da Toro Rosso) já avisou que gostaria de contar com o piloto no GP do Japão, em Suzuka, que será daqui a duas semanas.
 
O prodígio Verstappen já realizou testes com carros antigos da STR e depende de uma autorização final da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), chamada de Superlicença. Até o momento ninguém abaixo dos 18 anos participou de uma prova da categoria. O piloto mais novo a participar de uma corrida foi o espanhol Jaime Alguersuari, que com 19 anos e 125 dias participou do GP da Hungria no ano de 2009, também pela Toro Rosso. O diretor da equipe, Franz Tost já declarou que o atleta está confirmado para a temporada de 2015.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 10:17

Kadu quer apoio da torcida para clássico contra o Bahia

por Glauber Guerra

Kadu quer apoio da torcida para clássico contra o Bahia
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias
O Vitória encara o Bahia neste domingo (21), na Arena Fonte Nova, com a missão de conseguir um resultado positivo para da incômoda lanterna e também quebrar um jejum de oito jogos sem vencer o arquirrival. O zagueiro Kadu acredita que o apoio da torcida Rubro-Negra será fundamental para conseguir um triunfo, assim como foi no duelo contra o Fluminense na última quarta-feira (17), quando o Leão venceu de virada por 3 a 1.
 
“Temos que continuar nessa corrente positiva. A torcida nos ajudou contra o Fluminense e não tenho dúvidas que vai ser peça fundamental no clássico contra o Bahia. Vamos fazer uma grande festa nas arquibancadas com muita paz e que o Vitória saia de campo vitorioso”, declarou o zagueiro.
 
O defensor Rubro-Negro também destacou a importância de conquistar um triunfo diante do Tricolor.
 
“BaVi é sempre um jogo diferente. A parte de baixo da tabela está muito equilibrada e uma vitória num clássico como esse, além de fazer com que a gente melhore na tabela de classificação, segura um adversário direto naquela região perigosa. Sabemos que a partida poderá ser um divisor de águas”, pontuou.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 10:12

Wozniacki e Ivanovic vencem e farão final em Tóquio

por Estadão Conteúdo

Wozniacki e Ivanovic vencem e farão final em Tóquio
A decisão do Torneio de Tóquio, no Japão, reunirá duas jogadoras que já lideraram o ranking da WTA. Neste sábado, a dinamarquesa Caroline Wozniacki e a sérvia Ana Ivanovic, tenistas que atualmente estão entre as dez melhores do mundo, avançaram nas semifinais e agora vão disputar o título.

Finalista do último US Open, Wozniacki ampliou o seu bom momento na temporada. A número 9 do mundo se garantiu na final ao derrotar a espanhola Garbiñe Muguruza, 26ª colocada no ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 2/6 e 6/2, em 2 horas e 33 minutos. Agora, a dinamarquesa tentará repetir a sua conquista de 2010 em Tóquio.

Wozniacki levou alguns sustos na partida deste sábado, tanto que chegou a estar perdendo o terceiro set por 2/0, mas depois conseguiu a virada para triunfar. A partida teve impressionantes 40 break points, sendo cinco convertidos pela dinamarquesa e quatro pela espanhola.

Assim, com a vitória deste sábado, Wozniacki, se recuperou das derrotas nos dois encontros anteriores com Muguruza, no Aberto da Austrália, em janeiro, e no Torneio de Miami do ano passado.

Na decisão, Wozniacki terá pela frente Ivanovic. A número 10 do mundo derrotou neste sábado a alemã Angelique Kerber, oitava colocada no ranking, por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/3, em 1 hora e 45 minutos.

Essa semifinal teve 30 break points, com Ivanovic aproveitando quatro, dois a mais do que Kerber. Com isso, a sérvia conseguiu eliminar a cabeça de chave número 1 do Torneio de Tóquio e ampliou o seu retrospecto positivo diante da alemã para 5 a 2.

Neste domingo, Ivanovic vai disputar a sua sexta final na temporada, ano em que foi campeã em Auckland, Monterrey e Birmingham - perdeu as decisões em Stuttgart e Cincinnati. Agora, tentará faturar o 15º troféu da sua carreira.

Já Wozniacki foi campeã em Istambul e vice do US Open nesta temporada. A dinamarquesa está em busca do 23º título da sua carreira. Ivanovic lidera o confronto direto por 4 a 2.

Comentar

   

Sábado, 20 de Setembro de 2014 - 10:00

Meia ou atacante? Gilson Kleina tem uma dúvida para o Ba-Vi

por Felipe Santana

Meia ou atacante? Gilson Kleina tem uma dúvida para o Ba-Vi
Foto: Divulgação
A postura Bahia contra o Cruzeiro, apesar da derrota de virada, agradou ao treinador Gilson Kleina. Nas duas partidas seguintes, com uma nova formação tática, o tricolor venceu Figueirens e Botafogo e também encantou ao treinador Gilson Kleina, que tem uma dúvida para o segundo Ba-Vi na Série A.
 
Nesta sexta-feira (19), no treino realizado no Estádio de Pituaçu, o técnico do Bahia surpreendeu a todos,  mas não pela escalação. O comandante realizou um intenso treinamento de fundamentos e não deu pistas da provável equipe que enfrenta o Vitória.

Ainda assim, diante das últimas atuações do clube, o treinador tem apenas uma dúvida para o jogo diante do rubro-negro, na Arena Fonte Nova, neste domingo (21), às 16h. Interrogação, essa, que pode mudar a estrutura tática do time.

Emanuel Biancucchi, substituído por Gilson Kleina no intervalo do jogo contra o Botafogo, não conseguiu apresentar um bom futebol nos dois jogos que teve uma oportunidade como titular, contra o Figueirense e o time carioca.

Por isso, mediante o baixo rendimento do argentino, o técnico Gilson Kleina tem uma dúvida para o clássico. Substituir Emanuel por um outro meia como Branquinho e Marcos Aurélio ou modificar o esquema? 

Se optar por Branquinho ou Marcos Aurélio, o treinador tricolor vai manter o time com três volantes e um homem de criação. Caso contrário, o escolhido será o atacante Maxi Biancucchi, repetindo assim a formação usada contra o Cruzeiro, com três volantes e três atacantes.

Além do meio de campo, por questão disciplinar, Kleina será obrigado a mudar na lateral-esquerda. Pará vai substituir Guilherme Santos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O restante do time será o mesmo que derrotou o Botafogo.

Comentar

   
Carregando...

Histórico de Conteudo

Multimídia

Enquete

O que você achou da primeira convocação de Dunga em seu retorno a Seleção?