Bahia

E. C. Bahia


Mais experiente, Bahia enfrenta o Vitória no primeiro Ba-Vi do ano

Com uma dose a mais de mistério, após dois treinamentos com os portões fechados para imprensa, o 'novo' Bahia enfrenta o Vitória na tarde deste domingo (1º), no Barradão, no primeiro clássico da temporada de 2015.

Veja mais

Veja mais

Entrevistas

Drubscky vê Mansur como ‘jogador de futuro’, explica saída de Rômulo e prevê evolução do time

O técnico Ricardo Drubscky, do Vitória, vê o lateral-esquerdo Mansur como um atleta de futuro, apesar das críticas da torcida e parte da imprensa. “O Mansur é um jogador de futuro, mas tem um peso grande na participação dele e isso pode prejudicar ele no Vitória. Vamos tentar dentro do possível, trabalhar para que ele realmente consiga fazer o melhor dele e ajudar a equipe”, disse ao Bahia Notícias. O comandante Rubro-Negro ainda explicou a não permanência do atacante Rômulo, cedido ao Santo André-SP. Segundo o treinador, o atleta é bom tecnicamente, mas tem pouca competividade. “Ele é um jogador com muita boa técnica, virtuoso tecnicamente, mas com pouca competitividade”, analisou. Drubscky fez questão de elogiar o elenco e projeta evolução no desempenho. “É um elenco de qualidade e o clube dá condições de trabalho. E é torcer com o tempo que nós tempos, a gente consiga encaixar as peças, fazer os resultados e fazer o time jogar, para que o trabalho apareça e evolua”, comentou.

Veja mais

Curtas do Esporte

Curtas do Esporte

O quase-ex-boleiro Arlindo de Almeida volta com polêmicas no Curtas de Esporte. Por que certos setoristas do Vitória têm passe livre e outros não têm? E por que nenhum deles tem direito a lanche durante os treinos da manhã? E mais: no Bahia, tem mutirão de processos trabalhistas! Confira nas Curtas e Venenosas do Esporte!

Veja mais

Terça, 19 de Novembro de 2013 - 12:09

Fernandão tornou-se 2º maior artilheiro do Bahia em Campeonatos Brasileiros

por Felipe Santana

Fernandão tornou-se 2º maior artilheiro do Bahia em Campeonatos Brasileiros
Foto: Aldo Carneiro
Fernandão passou quatro rodadas em branco. Contra o Santos, quando o Bahia foi derrotado por 3 a 0, no Pacaembu, sequer entrou em campo. Voltou diante do Náutico, marcou um gol e ampliou o recorde já estabelecido na história do clube.

O centroavante balançou a rede adversária pela 14ª no Campeonato Brasileiro da Série A de 2013. O número é o maior já alcançado por um jogador do Bahia na história dos pontos corridos, fórmula implantada na competição nacional desde 2003.

O recorde, anteriormente, pertencia aos centroavantes Didi, Nonato e Souza. Ambos haviam marcado apenas onze gols em competições já no formato pontos corridos.

Fernandão, ao marcar o 14º gol, deu mais um passo importante na história tricolor. Igualou o desempenho de Douglas Franklin, em 1978, e tornou-se o segundo maior artilheiro da história do Bahia em Campeonatos Brasileiros.

O topo do ranking é liderado por Cláudio Adão, autor de 18 gols no campeonato de 1986.

Comentar

   

Histórico de Conteudo

Março / 2015

Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Multimídia

Enquete

O que você achou da contratação de Ricardo Drubscky pelo Vitória?