Bahia

E. C. Bahia


Bahia poderá usar principal quarteto ofensivo pela 1ª vez no ano

Desde a saída dos centroavantes Fernandão e Obina no final do ano passado, o departamento de futebol do Bahia encontrou dificuldades para encontrar um novo camisa 9 para temporada de 2014. Não foi à toa que o treinador Marquinhos Santos, demitido no último final de semana, passou sete meses no clube e contou com o tão esperado homem de referência em apenas uma partida.

Veja mais

Vitoria

E. C. Vitória


Departamento médico do Vitória realiza trabalho preventivo com Marcos Júnior

Recém-contratado pelo Vitória, o atacante Marcos Júnior ainda não estreou pelo Rubro-Negro. O jogador, que desembarcou na Toca do Leão por empréstimo junto ao Fluminense, chegou dores na região anterior da coxa. Além disso, ele tem um histórico de lesões no Tricolor das Laranjeiras. Por conta disso, o departamento médico decidiu fazer trabalho preventivo com o jovem de 21 anos.

Veja mais

Entrevistas

'Lutar contra Miocic seria interessante', diz Cigano sobre adversário para seu retorno ao UFC

O ano de 2014 é de reafirmação para o lutador de MMA catarinense radicado na Bahia, Júnior Cigano. Aos 30 anos, o ex-campeão dos pesos pesados do UFC quer mostrar ao mundo da luta - e para ele mesmo - que ainda pode lutar em alto nível na categoria. A expectativa do próprio Cigano é que possa voltar ao octógono entre "novembro ou primeira quinzena de Dezembro", quando terá que superar a desconfiança após as duas derrotas para Cain Velásquez, além da recente lesão que evitou seu combate no Brasil contra Stipe Miocic. Leia a entrevista completa!

Veja mais

Curtas do Esporte

Curtas do Esporte

O quase-ex-boleiro Arlindo de Almeida volta com polêmicas no Curtas de Esporte. Por que certos setoristas do Vitória têm passe livre e outros não têm? E por que nenhum deles tem direito a lanche durante os treinos da manhã? E mais: no Bahia, tem mutirão de processos trabalhistas! Confira nas Curtas e Venenosas do Esporte!

Veja mais

Quarta, 04 de Janeiro de 2012 - 11:21

Justiça concede liminar e Mansur é retirado do Bahia

por Felipe Santana

Justiça concede liminar e Mansur é retirado do Bahia
Mansur (à direita)
Uma notícia causou surpresa ao elenco júnior do Bahia, às vésperas do embarque para São Paulo, onde estreará na Copa São Paulo de Futebol Júnior, nesta quinta-feira (5), contra o Caxias.

Os empresários do lateral-esquerdo Mansur, também representantes do volante Marcone, entraram com uma ação na Justiça contra o tricolor e pediram o desligamento do atleta, concedido através de uma liminar. Motivo? Os representantes do atleta, Gessé e o ex-jogador Sandro, alegaram falta de pagamento referente a dois meses de salário e o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Mansur, de 18 anos, que estava concentrado com os demais companheiros, deixou o local e, a partir de agora, não possui mais vínculo com o Bahia. Com isso, a lista de cortes para disputa da Copa São Paulo, que antes era de cinco, agora, contará com apenas quatro nomes.

Coordenador das divisões de base do Bahia, em contato com o Bahia Notícias, Newton Mota comentou o caso e lamentou a perda do lateral. “Eu não posso te passar os detalhes jurídicos da questão. Mas, os empresários do atleta alegaram falta de pagamento dos salários e FGTS, e conseguiram o desligamento do jogador. Eles ligaram para o Mansur, marcando uma reunião em um restaurante, e depois ele não voltou mais para o clube. Fomos surpreendidos!”

Gessé, empresário do atleta, foi procurado pelo Bahia Notícias para falar sobre o caso, mas se negou a tocar no assunto pelo telefone.


Comentar

   

Histórico de Conteudo

Multimídia

Enquete

Quem você contrataria para ser técnico do Bahia?