Colunistas

Marcello Fontes

02/03/2015 - 15:30

Giro: Jornalista lança e-book dedicado à Irmã Dulce

Lançamento acontecerá no Memorial Irmã Dulce, no Largo de Roma

Veja mais

Marcos Preto

23/02/2015 - 10:54

RelP: Transparências usadas na festa em homenagem ao Oscar para você copiar

Inspire-se nos looks usados por nomes como Irina Shayk, Lady Gaga e Rita Ora e ouse na sua próxima aparição.

Veja mais

Paulo Roque Garcia

22/02/2015 - 09:00

Sampaulices: É skate. É mochila. É um jeito descolado de ir trabalhar ou estudar. E é uma startup baiana

Campus Party 2015. O carnaval, o Woodstock, a Disneylândia dos geeks.O maior evento do mundo nas áreas de inovação, criatividade, ciência, entretenimento e empreendedorismo, celebrou sua 8ª edição em São Paulo.

Veja mais

Literatura

Favila, o rei da Coréia

No conto desta semana, o autor retoma a abordagem do comportamento pelo viés da crítica de costumes em composição que dosa um certo grau de humor, pelo ponto de vista muito pessoal de um garoto iniciando a vida estudantil no Ginásio de Alagoinhas. Vida estudantil aliás muito breve naquela escola. Passou no exame de admissão (o primeiro vestibular a que os estudantes da época eram submetidos depois do curso primário), foi calouro e só. No fim do ano havia perdido por excesso de faltas, gazetas cujo tempo era gasto no jogo de bolinha de gude na Praça Ruy Barbosa, ou nos babas. Por punição, foi internado em um seminário. Boa leitura.

 

Os quatro mosqueteiros eram três

Ainda não completou mês, o escritor, poeta e jornalista Ruy Espinheira inovou ao lançar o seu último livro de contos, O Sonho dos Anjos, na Ceasinha do Rio Vermelho. Foi uma festa diferente, e muito interessante, para literatos baianos, distante dos rituais de lançamento em livrarias, universidades e outros espaços acadêmicos. A partir das duas da tarde o pessoal foi chegando, todo mundo muito à vontade em manga de camisa, chinelo de dedo. Parada inicial no primeiro botequim à mão na praça de alimentação para benzer a pedra. Um destilado, ou uma bem gelada. No caso do Restaurante do Edinho ainda tem o brinde da Gabriela (uma espécie de batida que contém cravo e canela, mas é só o que se sabe porque dona Irene mantém segredo da receita há mais de quarenta anos)e só depois ia-se buscar o autógrafo do autor. Alguns faziam o contrário, dirigiam-se ao bar já com o livro nas mãos. A ordem dos fatores contudo não alterou o resultado, o fato é que o pessoal só foi embora quando o mercado fechou as portas lá pelas nove da noite. Brilhante a ideia de Ruy, tirante o calor. Mas ninguém se importou porque cerveja é justo o melhor remédio para calor. Carlos Navarro Filho

Veja mais

Entrevistas

Secretário de cultura, Rodrigo Velloso fala sobre homenagem a Bethânia em Santo Amaro

A tradicional festa de Nossa Senhora da Purificação, realizada há mais de 400 anos em Santo Amaro, será especial em 2015. Celebrada entre 23 de janeiro e 2 de fevereiro, o evento contará com um show gratuito de Maria Bethânia, que celebra 50 anos de carreira em sua cidade natal, além de apresentações de nomes como Léo Santana, Harmonia do Samba e Tyrone Cigano. O ano marca também os 80 anos de Rodrigo Velloso, irmão de Bethânia e Caetano Veloso e atual secretário de cultura do município. Rodrigo concedeu entrevista ao Bahia Notícias e contou detalhes sobre a festa da padroeira e também de como vai comemorar suas oito décadas de vida. Também falou sobre como será a homenagem para sua irmã, além de anunciar obras de requalificação de diversos espaços culturais de Santo Amaro, entre eles a área onde acontece o Bembé do Mercado.

Veja mais

Resenha BN

Ivete faz participação especial em show de Djavan em Salvador; veja vídeo do encontro

A (boa) surpresa da noite foi a participação especial de Ivete Sangalo, chamada de “Rainha do Brasil” pelo anfitrião. Ela foi anunciada por ele como “uma nova revelação da música baiana”. “Vamos ver se ela é afinada”, brincou. Quando Ivete entrou no palco, cantando “Meu Bem Querer”, o público vibrou. Veja o vídeo e leia mais sobre o encontro das estrelas da MPB em Salvador.

Veja mais

Diga aí

Inscrições para concurso de Miss Bahia Latina 2016 estão abertas

Nunca ter sido casada??? Que regra mais estapafúrdia!! Nesse mato tem coelho...

01/03/2015 - 21:30

sergio bezerra

Favila, o rei da Coréia

Parabéns Navarro, Leitura deliciosa. Continue! Aladilce

01/03/2015 - 11:30

Aladilce Souza

Veja mais

Sexta, 16 de Agosto de 2013 - 10:20

'É uma história de amor', diz Glória Pires sobre 'Flores Raras', que estreia nesta sexta

por Marília Moreira

'É uma história de amor', diz Glória Pires sobre 'Flores Raras', que estreia nesta sexta
Dezoito anos se passaram desde a compra dos direitos do livro “Flores Raras e Banalíssimas”, de Carmen L. Oliveira, até a chegada do filme “Flores Raras” às salas de cinema de todo o Brasil nesta sexta-feira (15). O filme, dirigido por Bruno Barreto e protagonizado por Glória Pires e pela australiana Miranda Otto, se passa no Rio de Janeiro dos anos 50 e 60 e conta a história de amor entre a arquiteta brasileira Lota de Macedo Soares (interpretada pela primeira) – criadora do Aterro do Flamengo, um dos cartões postais da Cidade Maravilhosa – e a poetisa norte-americana Elizabeth Bishop (interpretada pela segunda). 
 
Glória Pires está no projeto desde o início, antes mesmo do diretor Bruno Barreto – que foi convidado anos depois por sua mãe, também produtora do filme. Em coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira (12), em Salvador, Glória Pires e Bruno Barreto comemoram o fato de o filme estrear em um momento propício ao debate sobre os direitos civis dos homossexuais. “Esse momento é maravilhoso, porque o filme contribui positivamente para esse debate. Não é um filme sobre a homossexualidade, mas tem esse fato como a situação das personagens que protagonizam a história. E, por isso, contribui de uma maneira muito positiva, mostrando essa relação amorosa e o desejo, às vezes tão prosaicos, dessas duas mulheres”, afirmou Glória Pires.
 
Nascida nos Estados Unidos, Elizabeth Bishop sempre esteve à deriva. Nos anos 50, decidiu viajar ao Brasil para uma “cura geográfica”; acreditava que novos ares fariam bem a ela e à sua poesia. No Rio de Janeiro, ficou hospedada na casa de Lota de Macedo Soares, então companheira de Mary Morse, antiga colega sua de faculdade. Logo de início, o encontro entre Bishop e Lota pareceu um desastre. Devido a uma crise alérgica que a impediu de retornar aos Estados Unidos no tempo previsto, Bishop teve de ficar mais um tempo na casa de Lota e Mary. Foi nesse ínterim que surgiu a paixão arrebatadora entre as duas. Com o romance, que durou cerca de 14 anos, as duas potencializaram suas criações: Bishop recebeu o Prêmio Pulitzer pelo livro “North and South” e Lota criou o Aterro do Flamengo. 
 

 
Para Bruno Barreto, o filme é essencialmente isso: uma história de amor. “É uma história de amor, que mostra como uma das personagens, no caso a Lota, que é a forte, a vencedora, a que sabe o que quer, fica cada vez mais fraca porque não sabe lidar com a perda, e como a fraca, perdedora, alcoólatra, indecisa, que vive viajando pelo mundo e não tem residência fixa, que é a Bishop, vai ficando cada vez mais forte, porque mal ou bem ela lida com as perdas e não as joga para debaixo do tapete”, sintetizou o diretor.
 
Apesar de ser uma produção nacional, o filme é quase que integralmente falado em inglês. Há uma semana "Flores Raras" abriu o 41º Festival de Gramado, com direito a homenagem a Glória Pires, que ganhou o Troféu Oscarito. Internacionalmente, o filme foi agraciado com o prêmio de público no Festival de São Francisco, maior festival gay do mundo. “Embora nosso filme não levante nenhuma bandeira, ele está contribuindo de uma forma muito positiva, muito clara, sobre a questão”, afirmou Glória Pires, que também acredita no preparo do público para lidar com tema quando tratado com seriedade.
 
Com uma trilha sonora impecável, o filme, segundo o diretor, pode ser definido com uma música que não faz parte da produção: “Fugaz”, de Marina Lima. “Acho que quando a Lota abre os braços, a Bishop diz a ela: "e a gente faz um país". E quando elas se abraçam elas criam realmente esse país, que é a Samambaia, o mundo delas”, contou o diretor.

Comentar

   

Histórico de Conteudo

Março / 2015

Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Ildázio Tavares Jr

Ildázio Tavares Jr: mais um carnaval e mudanças!

20/02/2015 09:00

Como gosto de escrever sobre o que vejo e tenho experiência, corri esse carnaval de ponta a ponta! Na pipoca do BaianaSystem e do furdunço, nos trios de Durval e Tuca, no Campo Grande, nos camarotes institucionais como o 2222 e o de Marta Goés, e nos camarotes comerciais da Skol, Salvador e Axé Mix! Enfim, o que vi segue abaixo.

Veja mais

Edimário Duplat

BN HQ: Brasileiro Thony Silas faz Workshop de Quadrinhos e lança Sketchbook em Salvador

21/01/2015 19:30

Conhecido dos fãs de quadrinhos por seus trabalhos com personagens como Demolidor, Homem-Aranha e Batman do Futuro, o recifense Thony Silas estará em dose dupla na capital baiana no próximo sábado (24), onde ministrará um workshop de desenho para Histórias em Quadrinhos na Universidade Estadual do Estado da Bahia (UNEB) e depois estará na RV Cultura e Arte, no Rio Vermelho, onde lança o seu Sketchbook para o público baiano.

Veja mais

Mayana Winck

Make Up & Hair: tendências de cortes femininos para 2015

27/01/2015 16:44

Para quem gosta de estar sempre na moda, aí vai as dicas de cortes que estão fazendo a cabeça das mulheres neste verão. Sejam eles Repicados, ondulados, lisos, curtos ou longos, nossos cabelos falam da nossa personalidade, e eles devem se adaptar ao nosso modo de vida, trazendo praticidade e facilidade no dia a dia.

Veja mais