Primeira temporada da Concha Negra irá encerrar com Malê Debalê
Foto: Divulgação

O Malê Debalê irá encerrar a primeira temporada do Concha Negra, projeto que, em edições mensais no último semestre, vem garantindo o lugar da música afro-baiana na programação da Concha Acústica. O show vai ser no domingo, 4 de fevereiro às 18h, na Concha Acústica do TCA, e terá participações especiais de Mariene de Castro e Ellen Oléria, e ainda abertura com As Ganhadeiras de Itapuã. Fundado em 1979, o Malê Debalê nasceu de um grupo de moradores de Itapuã que desejavam ver o seu bairro representado no carnaval de Salvador. O bloco, hoje com 4 mil integrantes, tem na dança e na música um elo forte com as tradições herdadas da cultura afro, juntamente com o viver popular e a subjetividade coletiva e contemporânea de sua comunidade praieira. A sambista baiana Mariene de Castro, cantora, compositora, dançarina, atriz, traz sua voz firme e contralto singular para o palco. Reconhecida no cenário nacional, tem cinco discos lançados. Já a cantora e compositora Ellen Oléria, nascida e criada em Brasília, tem mais de 15 anos de carreira, é conhecida pelo seu timbre, afinação e repertório brasileiríssimo, a soprano dramática condensa entusiasmo, versatilidade, ativismo político e sorriso no rosto. O Malê Debalê convida também outro representante do seu bairro, As Ganhadeiras de Itapuã, iniciativa cultural surgida em 2004 nos terreiros das casas de Dona Cabocla e de Dona Mariinha. Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia) e estarão à venda a partir deste sábado (20), na bilheteria do TCA, nos SACs do Shopping Barra e do Shopping Bela Vista e no site do ingresso rápido (acesse aqui)  www.ingressorapido.com.br

 

SERVIÇO
O QUÊ: Concha Negra – Malê Debalê com participações de Mariene de Castro, Ellen Oléria e As Ganhadeiras de Itapuã
QUANDO: Domingo, 4 de fevereiro, às 18h 
ONDE:  Concha Acústica do Teatro Castro Alves
VALOR: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)

Histórico de Conteúdo