Cerâmica jesuíta secular é encontrada em Igreja Matriz de Itacaré
Foto: Divulgação
Uma obra de cerâmica com mais de três séculos foi encontrada durante as obras de recuperação da Igreja Matriz de São Miguel Arcanjo, em Itacaré. A peça foi localizada por restauradores do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac), embaixo do piso comum, no altar do santuário. A capela que deu origem à igreja foi fundada no século XVI pelo padre jesuíta Luís Grã, contemporâneo de José de Anchieta, mas apenas em 1723 foi construída a versão atual do templo religioso. Em 2010 a igreja foi tombada como Patrimônio Cultural da Bahia.

Histórico de Conteúdo