Animações 'Órun Àiyé' e 'Entroncamento' vencem a mostra do Festival de Cinema Baiano
Foto: Divulgação
Após passar por Juazeiro, Feira de Santana e Itabuna, com oficinas, debates, 26 curtas-metragens e 18 longas-metragens, a 6ª edição do Festival de Cinema Baiano (FECIBA) chegou ao fim neste sábado (11), no Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna. Durante a cerimônia de encerramento, foram anunciados os vencedores das categorias "Voto Popular" e "Júri Técnico", pela "Mostra Competitiva de Curtas". Duas animações levaram os maiores prêmios da noite: “Órun Àiyé: A Criação do Mundo”, de Jamile Coelho e Cintia Maria, pelo público, e “Entroncamento”, de Maria Carolina e Igor Souza, escolhido como melhor filme pelo trio de jurados composto por Henrique Dantas, Marialva Monteiro e Sylvia Abreu, que ressaltaram a qualidade técnica de todos os curtas selecionados nesta edição do festival. As produções levaram o Troféu FECIBA e os prêmios em dinheiro de R$3.000 e R$ 2.000,00, respectivamente.
 
Confira os vencedores do Troféu FECIBA na Mostra Competitiva de Curtas:
 
Melhor Filme Júri Técnico – “Entroncamento”, de Maria Carolina e Igor Souza
 
Melhor Filme Público – “Órun Àiyé: A Criação do Mundo”, de Jamile Coelho e Cintia Maria
 
Melhor Direção – Jamille Fortunato e Cariane Martines – “Cordilheira de Amoras II”
 
Melhor Roteiro – Maria Carolina e Igor Souza – “Entroncamento”
 
Melhor Direção de Fotografia – Gabriel Teixeira – “IFÁ”
 
Melhor Direção de Arte – Igor Souza – “Entroncamento”
 
Melhor Montagem – Maria Carolina – “Entroncamento”
 
Melhor Desenho de Som – Roberto Ferraz – “Entroncamento”
 
Melhor Trilha Sonora – João Meirelles – “Entroncamento”
 
Melhor Ator – Mário Bezerra – “Neandertais”
 
Melhor Atriz – Cariane Martines – “Cordilheira de Amoras II”
 
Menção Honrosa – “Sísifo do Vale”, pela investigação de linguagem e pelo resgate do personagem local e a sua analogia com o mito do sísifo.

Histórico de Conteúdo