Aliados de Lula defendem menor permanÍncia na sede do PT e em instituto

Dirigentes e parlamentares do PT defendem que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva permaneça cada vez menos tempo na sede do partido e no instituto que leva seu nome. Segundo informações da coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, os aliados do petista avaliam que ele precisa estar em um ambiente de maior densidade política, de modo a enfrentar o embate resultante da condenação emitida pelo juiz federal Sérgio Moro. Um parlamentar mais radical chegou a defender até mesmo que Lula feche o instituto, que é alvo de investigação em várias frentes.