TCU quer saber se empresas estatais pagam salário estabelecido por teto constitucional

Empresas estatais, como o BNDES [Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social], terão uma auditoria para saber se o que é pago nessas companhias é maior que o teto constitucional estabelecido.  A decisão pela auditoria foi tomada nesta quarta-feira (14) pelo Tribunal de Contas da União (TCU). Segundo a Folha, o TCU quer que o levantamento seja feito de maneira detalhada.  Além do valor final, a varredura também deve apontar a composição salarial, discriminando adicionais por função comissionada.