Vai começar a Casacor Bahia! Confira aqui no BN Mulher a entrevista com Luizinha Brandão

A partir de quarta feira (20) até o dia 29 de outubro a Bahia irá respirar decoração, design e arquitetura! Vai começar a 22a Edição da Casacor Bahia seguindo a tendência nacional da Casacor São Paulo cujo tema foi “Foco no Essencial”. O BN Mulher entrevistou a franqueada Luizinha Brandão que contou detalhes da Casacor e relembrou o início deste evento que tanto contribuiu para a profissionalização do setor.

Há 23 anos Luizinha Brandão está à frente da Casacor e relembra que naquela época as pessoas compravam os móveis em São Paulo. A história do evento na Bahia começou quando a empresária resolveu se realizar profissionalmente na área em que se formou, daí foi até São Paulo participar de uma feira de franquias, na verdade não gostou das opções apresentadas pela feira, mas ficou sabendo que a Casacor, que ela tanto admirava e costumava visitar, disponibilizava franquias.

 

Fale um pouco sobre a sua trajetória profissional. Porque se tornou uma franqueada?

Sou arquiteta de formação, fiz UFBA, me formei em 1969,  estagiei no período da universidade, casei e fiquei sem trabalhar. Em 1983 passei a procurar alguma coisa que me realizasse, principalmente que fosse ligada a área de arquitetura. Trabalhei no Banco econômico e na revitalização do Pelourinho, mas em 1994 estava mesmo decidida a fazer alguma coisa diferente.

 

Como começou a história da Casacor na Bahia?

A história da Casacor Bahia começou quando fui a São Paulo participar de uma feira de franquias, recebi um convite de um ex-cunhado que me falou da feira. Na verdade, não gostei das opções apresentadas pela feira mas fiquei sabendo que a Casacor, que tanto admirava, era uma franquia.

Já em São Paulo, resolvi ligar para a Casacor para marcar uma entrevista. Estava com minha cunhada, encontrei Mirela que já era minha amiga e tinha acabado de se mudar para São Paulo e se tornou companheira de trabalho até hoje. Encontrei também Kátia Baiardi que já conhecia há muito tempo.

Então participei de uma reunião com Iolanda Figueiredo e Angélica Rueda que, na época, eram as proprietárias da marca Casacor e queriam a franquia

no Nordeste através da Bahia. Elas me disseram, “volta daqui há um mês pois você vai precisar de uma sócia”!

No outro dia de manhã encontrei os amigos para contar a novidade, Kátia estava empolgada e disse “era o tipo de trabalho que eu gostaria de fazer”, convidei ela e imediatamente aceitou ser minha sócia. Fomos sócias durante 15 anos.

 

Como e quando começou a Casacor na Bahia? 

Começou mesmo em 29 de julho 1995. Os primeiros anos foram muito difíceis, pensavam que a Casacor era loja de tinta, os profissionais tinham que se adaptar e eram pressionados a trabalhar dentro de um cronograma. Formamos uma equipe muito sólida e foi de fato uma aventura. Quando completamos 20 anos lançamos este livro os “Casos da Casa”.

 

Ao longo deste período quais foram os maiores desafios?

O  maior desafio sem dúvida foi o relacionamento profissional, deixar de ser um evento estranho, ganhar confiança e fazer as pessoas acreditarem. Podemos dizer que a Casacor é o evento mais ativo e duradouro. Lembro claramente que na Casacor que aconteceu na região do porto, aqui em Salvador, chegamos a ter 1.200 operários trabalhando. Outro desafio, sem dúvida, é encontrar um imóvel para realizar o evento.

 

Então, como foi a escolha do espaço para este ano?

A casa tem que ter um número mínimo de ambientes e espaço para ser escolhida. A Casacor deste ano está menor mesmo, condizente com a realidade do país, a realidade que nós brasileiros enfrentamos. Serão 39 ambientes divididos entre mais de 50 profissionais. O imóvel tem pouco mais de 1.200 metros quadrados localizado na Barra e o “Masterplan” foi realizado por David Bastos. Mas já fizemos a Casacor em uma estação ferroviária, 3 vezes em hotéis, em clube, em escola, entre outros espaços.

 

Como vai ser a Casacor este ano? Quais as novidades e o que o público poderá conferir?

Vamos ter diversas novidades: Festival de Gastronomia, com a participação de 6 restaurantes com cardápios especiais como o Larriquerri,  Du Chef, Pasta em Casa, La Taperia e Boucherrie e o Le Beef. Teremos também o Espaço Infantil, onde os visitantes poderão conhecer a Casa de Bonecas, projeto desenvolvido pela designer de interiores Graziella Costantino e o Espaço Pet – Pet Friendly,  assinado por Mally Requião. Além, claro, de todos os outro ambientes com assinatura de diversos profissionais.

 

Quais são as suas expectativas em relação ao evento?

Por ser na Barra, um bairro tradicional e movimentado, esperamos ter bastante gente para visitar. Estamos preparados para atender uma demanda reprimida já que o evento não aconteceu no ano passado, pois fui aconselhada pela própria Casacor a não realizar. Mas esperamos um público grande atraído principalmente pelos ambientes - Espaço Infantil, Espaço Pet e Festival de Gastronomia.

 

Quem são os profissionais que estão participando?

Adelia Estevez - Espaço Dueto, Aline Cangussú - Sala Ouro Fino, Ana Claudia Nonato e Ana Paula Nonato - Espaço Gastronômico, Bruna Oliveira - Suíte do Casal Jovem, CatiaBacellar - Quarto da Adolescente, Daniela Lopes – Espaço Casablanca, David Bastos – Estar Tropical, Dolores Landeiro – Quarto do Designer, Dinah Lins – Quarto do Adolescente, Eliane e Laís Kruschewsky – Escritório em Casa, Emerson Carvalho – Garagem Renault, Fernanda Leal e Ana Paula Rocha– Hall do Colecionador, Fernando Rocha e Marcos Malamut– Piscina do Jardim, Flávio Moura – Home Bar, Gabriel Moreno – Sala de Almoço, Gabriela Viveiros – Sala da Família, Graziella Costantino – Espaço Infantil, Horácio Urpia, Marcio Tanajura e Luma Webering – Lavabo Funcional, Isabela e Paula Conrado – Jardim do Almirante, Jéssica Araújo – Sala de Banho, Junior Pacheco – Banheiro Público, Laís Galvão – Estar do Jardim, Luciana Bittencourt – Varanda do Casal, Luciana Paraíso – Sala de Jantar, Mally Requião – Espaço Pet , Marcia Meccia – Canto do Casal, Marcos Rolim e Camila Mariana – Galeria de Arte, Marlon Gama SpazzioNatuzziItalia, Mila Caramelo e Mila Saraiva – Varandão, Milena Sá, Cristiana Reis e Flavia Foguel – Home Theater, Paula Diniz e Paulo Coelho – Adega, Paula Norah, Isabella Souto e Fernanda Sturken – Varanda das Amendoeiras, Pedro Andrade e Sara Bezerra – Banheiro dos Filhos, Rodrigo Rodrigues e Marcelo Rocha – Empório, Rogério Menezes – Quarto de Casal Sênior, Ruy Espinheira – Bilheteria, Silvana Rosemberg – Quarto do Bebê, Thiago Manarelli e Ana Paula Guimarães – Copa Cozinha, Wesley Lemos – Living.

 

Se trata de um evento aberto ao público, como será o acesso? Valores?

Este ano funcionaremos das 16h às 21:30h e aos domingos até as 21h. O ingresso custa quarenta reais, mas a pessoa pode adquirir o passaporte por cinquenta e cinco reais para ter acesso a todos os dias do evento que acontece de 20 de setembro a 29 de outubro.