Defesa de Lula pede novo interrogatório antes de julgamento de recurso

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu nesta quarta-feira (3) que ele tenha direito a outro interrogatório, por parte da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), antes do julgamento de seu recurso contra a sua condenação no caso do tríplex do Guarujá. Para os advogados, a nova oitiva é necessária porque o juiz Sergio Moro foi responsável por uma “verdadeira inquisição” durante o interrogatório do petista na primeira instância do processo. ”Isso porque, durante tal ato, o magistrado valeu-se de sua autoridade para impedir a livre manifestação do interrogado e consequentemente o exercício de sua autodefesa”, argumentaram. O julgamento do recurso de Lula está marcado para o dia 24 de janeiro.