No Festival da Virada, Claudia volta a falar de carreira internacional: 'Sinto que consegui'

Uma das atrações mais aguardadas da segunda noite do Festival da Virada, Claudia Leitte elogiou a estrutura da festa e mostrou satisfação em participar mais um ano. "Salvador já faz réveillon como se fosse Carnaval. É a única cidade do Brasil que tem a festa desse tamanho. O prefeito está botando para lenhar. A gente precisa de entretenimento de qualidade e segurança. Já temos essa energia maravilhosa e somos a cidade que recebe as pessoas da melhor forma. Então, quando antes começarmos a mostrar isso é massa para gente. Quero extravasar no palco", vibrou. Em outro momento, a artista voltou a falar da carreira internacional e da música que gravou com Pitbull no início de 2017. Segundo ela, a faixa deverá sair nos próximos dias. "Fiz um trabalho lá fora e acredito que a gente chegou num ritmo. Não queria de jeito nenhum gravar uma parceria com a pessoa e fazer uma música só para tocar na rádio lá fora. Entrei num escritório de lá e foi bem legal, mas não podia perder minhas raízes. Era um processo de construção. Essa música com o Pitbull tem a mistura da Bahia com o que toca lá. A nossa música é muito brasileira e dificilmente tocaria lá, sabe? Precisei de estudo e não podia desfazer de mim, da minha música e minha Bahia só para tocar na rádio lá. Então, demorou e consegui. Sinto que consegui", finalizou.