Marília rebate preconceito para defender as mulheres: ‘Sei muito bem quantos quilos peso’

A cantora Marília Mendonça, que fez sua estreia no Festival de Verão de Salvador neste domingo (17), comentou sobre seu papel na luta pela liberdade da mulher ser como quiser. “Sempre tento passar para todo mundo o bem. Muita gente sofre com o preconceito, sofre por ser gordinho e tem que ouvir piadas sobre seu peso. Pra mim, isso nunca foi um problema, pois sei muito bem quantos quilos eu peso, mas em outras pessoas isso faz mal. Então, tenho que comentar sim quando um homem bate numa mulher; tenho que usar minha visibilidade para todo recado que quiser passar”, defende a artista que tem mais de 7 milhões de seguidores no Instagram. Ainda no papo, a sertaneja falou sobre virar a rainha do chamado “feminejo”, movimento que retrata o universo feminino na música em questão. “Coloquei minha vida nas músicas e as mulheres do Brasil  se indentificaram. Sempre quis ser amiga das mulheres”, frisou e completou: “A gente quer cantar um pouco da nossa realizade e não algo para agradar os homens. Faltava um pouco disso. Hoje são várias representantes que defendem as mulheres”, comemorou.