Eleição para novo membro da Academia Brasileira de Letras acaba em empate

A eleição realizada pela Academia Brasileira de Letras na tarde desta quinta-feira (25) para definir o sucessor de Ivo Pitanguy acabou em empate entre o poeta e compositor Antonio Cícero e o cientista político Francisco Weffort. A votação para definir o novo dono da cadeira de número 22, desocupada desde a morte do cirurgião plástico em agosto deste ano, foi realizada na sede da instituição, no Rio de Janeiro. Segundo apuração do jornal Folha de São Paulo, o certame dividiu os imortais ligados à língua e à literatura dos chamados “notáveis” (como são chamados integrantes da academia ligados à política, medicina e outras profissões não ligadas às letras). Com o resultado, pelas regras da ABL, as inscrições para a vaga serão abertas novamente e uma nova eleição será realizada.